fbpx

Curso superior ou técnico em administração?

Os profissionais de administração são essenciais para a administração de qualquer empresa, particularmente, em tempos de crise.

Afinal, durante seus cursos superiores e técnico em administração, eles adquirem conhecimentos para a gestão de uma empresa nas áreas de contabilidade, finanças, marketing, recursos humanos e outros campos.

É por isso que várias empresas de diferentes segmentos são altamente valorizadas e procuradas por estes profissionais.

Além disso, você pode fazer um curso superior, um tecnólogo ou um técnico em administração para trabalhar nesta área. E, se você quer trabalha na área de administração, então você tem que decidir que tipo de formação você quer fazer.

Qual é a melhor opção para você: curso superior em administração ou técnico em administração?

Em vista disso, continue conosco para saber se um curso superior ou técnico em administração é a melhor opção para você.

Como é o curso técnico em administração?

Como é o curso técnico?

O curso técnico não é um curso superior e, claro, não disponibilizar um diploma de ensino superior, mas dá o direito a um certificado de graduação técnica do ensino médio.

Aqueles que terminarão ou ainda estão cursando o ensino médio podem fazer cursos técnicos. Eles fornecem conhecimentos muito específicos sobre o assunto e geralmente se concentram em aspectos práticos.

Como a duração do curso técnico é curta de alguns meses a até 3 anos pode ser uma solução rápida para entrar no mercado de trabalho, mas não oferece treinamento extensivo na área.

Investimento

Os investimentos entre o ensino superior e o curso técnico em administração são bastante diferentes e, portanto, têm um impacto considerável sobre a decisão dos estudantes.

Além disso, para participar de um curso técnico, o estudante precisa investir em média R$ 350 por mês.

Dessa forma, este investimento é considerado baixo em comparação com o valor do treinamento em instituições privadas de ensino superior.

Mercado de trabalho

O técnico em administração é um especialista versátil que pode realizar uma série de atividades dentro da empresa. Em geral, porém, ele é responsável pela gestão de um setor específico ou da empresa em sua totalidade.

Ele também pode, portanto, atuar na gestão de funcionários, analisando dados, progredindo processos, desenvolvendo estratégias e tomando decisões.

Como o profissional tem a capacidade e a habilidade de trabalhar em diferentes campos, não é difícil encontrar estes serviços profissionais no setor financeiro, de recursos humanos, logístico e até mesmo de marketing.

O mercado de trabalho para os técnicos de administração de empresas é precisamente por causa desta amplitude. A versatilidade destes profissionais, afinal de contas, aumenta muito as oportunidades de emprego.

Como resultado, os profissionais deste setor podem muitas vezes encontrar empregos na indústria, escolas, comércio, empresas privadas, áreas de escritórios, clínicas, hospitais, etc. Logo, as opções de trabalho estão localizadas em diferentes setores de uma empresa.

Salário médio

Não há um piso salarial único para técnicos administrativos no Brasil. O salário médio desses profissionais é de R$ 1.834,74, de acordo com o Guia de Profissões e Salários Catho.

Além disso, dependendo da experiência do técnico, da cidade ou estado, da empresa e do setor em que trabalha, este valor pode variar para cima ou para baixo.

Dessa forma, um profissional formado em administração técnica pode ganhar até R$ 6.415,13 por mês, de acordo com uma pesquisa publicada pelo salario.com.br.

Como é o curso superior?

Como é o curso superior em administração?

Dependendo da grade curricular da instituição de ensino escolhida, o curso de graduação em administração leva de 3 a 4 anos e meio. Ao contrário da educação técnica, este curso se concentra mais no conteúdo teórico. Sua duração é, portanto, muito mais longa.

Isto é bom para aqueles que desejam um conhecimento focado principalmente em uma carreira acadêmica.

Este tipo de educação, no entanto, não é tão interessante para os estudantes que querem entrar rapidamente no mercado de trabalho. São necessários pelo menos mais dois anos para se formar e buscar um emprego.

Além disso, o estudante que pensa nesta opção deve se lembrar que o processo é diferente da educação técnica ao ingressar no ensino superior.

Neste caso, o estudante deve terminar o ensino médio e passar no exame de admissão da instituição escolhida. Ele ou ela deve, portanto, estudar muito antes de iniciar o curso de graduação.

Investimento

Como mencionado, o investimento em administração entre o ensino superior e os cursos técnicos é bem diferente.

Se a primeira opção for escolhida em instituições privadas, por exemplo, o estudante deve investir em média de R$ 35.000 a R$ 65.000 ao longo de seus estudos. Em outras palavras, representa um investimento significativamente maior em educação técnica.

Mercado de trabalho

Apesar de que o curso forme o maior número de profissionais no Brasil, a administração é também a área que mais emprega. A razão disso, é que as possibilidades de atuação são muito amplas e se adaptam às diversas necessidades das empresas.

Imagine em uma empresa de qualquer tipo. Ela certamente emprega um administrador, desde a loja de animais de estimação de sua vizinhança até as maiores empresas do país, independentemente do tipo de empresa.

Salário médio

O salário médio variará dependendo do nível de experiência e do tipo de negócio que contratará um profissional de nível superior em administração. E, conforme o Site Trabalha Brasil o profissional de nível superior em administração normalmente tem um salário médio de R$ 2749,30.

Que caminho você deve tomar?

É evidente que as principais características de ambos os cursos mostram que não existe alternativa melhor. O grau que melhor se adapta ao seu perfil e aos seus objetivos profissionais é o que existe.

Portanto, quando se trata de escolher entre uma faculdade ou um curso técnico em administração, você precisa considerar suas condições financeiras, sua necessidade de entrar no mercado de trabalho e o futuro que você deseja para seu trabalho. Por exemplo, se você deseja entrar rapidamente no mercado de trabalho e receber treinamento prático, o curso técnico é ideal para o seu perfil.

Mas, o ensino superior pode ser a melhor opção se você quiser um conhecimento teórico mais amplo, trabalhar como professor ou consultor. No entanto, você deve lembrar que, neste caso, levará cerca de dois anos mais para entrar no mercado de trabalho, e o investimento financeiro também será maior.

Independentemente de você decidir se tornar um major ou um menor em gestão empresarial, não esqueça que ambos os profissionais são valorizados pelas empresas e têm um amplo mercado de trabalho onde você pode buscar um emprego.

Portanto, o que você realmente precisa é avaliar cada característica listada aqui e definir o que é mais apropriado para seu futuro como profissão.

Agora cabe a você decidir! Tire um momento para dar uma olhada nos cursos técnicos EAD do CPET.

Ficou com alguma dúvida? Entre em contato conosco:

📱 Envie um WhatsApp ► //bit.ly/contatoCPET ou (11) 9 6056-8891

Siga o CPET nas redes sociais:

Curta nossa página no Facebook: //www.facebook.com/tecnicoscpet
Siga nosso perfil no Instagram: //instagram.com/cpet_cursos
Acesse nosso Twitter: //twitter.com/CpetCursos
15 de janeiro de 2022
PROPRIEDADE E COPYRIGHTS CPET - CENTRO DE PROFISSIONALIZAÇÃO E EDUCAÇÃO TÉCNICA - Desenvolvido por Márcio Barbosa