fbpx

OIT emite aviso sobre o desemprego

Atualmente está sendo discutido em todo o mundo sobre o desemprego e a sua relação com a pandemia de Corona Vírus. A Pandemia global de corona vírus está afetando profundamente o mercado de trabalho. Além de representar uma ameaça à saúde pública, a pandemia tem impacto na economia e na sociedade e, a longo prazo, afetará a subsistência e o bem-estar de milhões de pessoas. A OIT e seus constituintes – governos, organizações de trabalhadores e empregadores – terão um papel fundamental no combate à pandemia, garantindo a segurança das pessoas, a sustentabilidade dos negócios e sobre o desemprego.

OIT emite aviso sobre o desemprego

Classificado em 4º no relatório “Monitoramento da OIT: Covid-19 e o mundo do trabalho”. Na segunda edição, as agências da ONU mostram como os jovens têm sido duramente atingidos pela pandemia desde fevereiro de 2020 e discutido ainda mais sobre o desemprego.

A jornada de trabalho dos que ainda trabalham foi reduzida em até 23%. A Organização Internacional do Trabalho (OIT) afirma que a pandemia causou um triplo impacto nos jovens. Isso não apenas destrói seus meios de subsistência, mas também destrói suas oportunidades de educação, treinamento e ainda se discute muito sobre o desemprego.

Os jovens ainda enfrentam enormes barreiras para entrar no mercado de trabalho e serem promovidos a outros cargos. No ano passado, a taxa sobre o desemprego juvenil era de 13,6%, superior à taxa de desemprego de qualquer outra faixa etária.

Naquela época, 267 milhões de jovens em todo o mundo retiraram-se do mercado para receber educação e treinamento. Os jovens de 15 a 24 anos tendem a se envolver em atividades mal remuneradas, como trabalhadores migrantes ou o setor informal.

Guy Ryder, Diretor-Geral da Organização Internacional do Trabalho, lembrou que as mulheres são mais afetadas na crise global desencadeada pela pandemia. Segundo ele, o legado do novo corona vírus pode durar décadas, agravando ainda mais a situação sobre o desemprego.

No relatório, a agência clama por medidas urgentes e políticas em larga escala de apoio à juventude, o programa pode garantir treinamento e trabalho em países desenvolvidos e oferecer programas intensivos de emprego para países de baixa e média renda.

O documento também examina medidas para a retomada do trabalho com segurança, como a realização de exames e triagens para prevenir a segunda onda de transmissão da doença.

A agência da ONU lembrou que o teste e a triagem também criarão novos empregos temporários que podem receber jovens e outros grupos prioritários. O relatório apela a medidas emergenciais imediatas para apoiar os trabalhadores e as empresas com base nos quatro pilares da Organização Internacional do Trabalho: estimular a economia e o emprego, apoiar as empresas, o emprego e a renda, proteger os trabalhadores no local de trabalho e contar com o diálogo social para encontrar soluções.

Com ao avanço da tecnologia, a educação à distância reduziu custos e dificuldades. Desse modo, ela permite que os profissionais possam se qualificar e atualizar e, por conseguinte, auxiliar na transformação positiva de nossa sociedade.

Por isso, o Centro de Profissionalização e Educação Técnica se esforça em proporcionar uma educação de qualidade e ao alcance de jovens e pessoas desempregadas. Assim, a educação poderá transformar o nosso país em uma sociedade cada vez mais qualificada e justa para se viver.

Ficou com alguma dúvida? Entre em contato conosco:

📱 Envie um WhatsApp ► https://bit.ly/contatoCPET ou (11) 9 6056-8891

Siga o CPET nas redes sociais:

Curta nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/tecnicoscpet
Siga nosso perfil no Instagram: https://instagram.com/cpet_cursos
Acesse nosso Twitter: https://twitter.com/CpetCursos
24 de maio de 2021
PROPRIEDADE E COPYRIGHTS CPET - CENTRO DE PROFISSIONALIZAÇÃO E EDUCAÇÃO TÉCNICA - Desenvolvido por Márcio Barbosa