fbpx

Curso técnico em Segurança do Trabalho – Conheça tudo sobre!

O curso técnico em Segurança do Trabalho é um dos mais procurados atualmente, especialmente porque se trata de uma área bastante requisitado no setor industrial.

Afinal, o profissional desse segmento trabalha em locais onde existem riscos ocupacionais. Logo, por se tratar de um setor que tem grandes responsabilidades, é preciso uma formação técnica na área.

No entanto, antes de fazer o curso é fundamental conhecer mais sobre ele, especialmente sobre o que se aprende durante a formação e como o mercado de trabalho está hoje para essa área.

Então, para sanar as dúvidas existentes, abaixo estão todas as informações referentes a área técnica de Segurança do Trabalho. Confira!

Conheça o curso técnico em Segurança do Trabalho

O curso de Segurança do Trabalho, especialmente o técnico e a distância, oferta uma entrada rápida no mercado de trabalho, sendo uma formação voltada para aqueles que concluíram o ensino médio ou estão em fase final do mesmo.

Isso porque, é um curso que tem como objetivo formar profissionais que conheçam as normas técnicas, os procedimentos de segurança e as questões que envolvem a saúde e higiene.

Apesar de ser uma formação rápida, tem uma alta empregabilidade e ainda oferta a oportunidade real de ganhar bons salários.

Por essa razão, é um curso ideal para aqueles que querem logo entrar no mercado de trabalho.

Inclusive, na modalidade EAD, por exemplo, é possível conciliar o estudo da formação técnica com as suas obrigações do dia a dia, independentemente de quais sejam elas.

Lembrando somente que após a formação é necessário fazer o pedido do cartão de registro profissional do técnico em segurança do trabalho, que é emitido pelo Ministério do Trabalho e Previdência Social (MTPS) pela internet.

Logo, fazer o curso técnico de Segurança do Trabalho é realmente vantajoso em todos os sentidos.

Grade curricular do Curso técnico em Segurança do Trabalho

O curso tem uma carga horária de 1481 horas e na grade curricular você encontra as seguintes disciplinas:

  • Introdução a segurança do trabalho;
  • Introdução às normas de 01 a 12;
  • Introdução às normas de 13 a 24;
  • Introdução as normas de 25 a 36;
  • Estratégia profissional;
  • Interpretação de texto;
  • Introdução a libras;
  • Legislação aplicada à segurança do trabalho;
  • Introdução ao Power Point;
  • Introdução ao Autocad 2D;
  • Visita técnica em TST;
  • Saúde ocupacional;
  • Desenho técnico;
  • Segurança em eletricidade, dentre outros.

Por se tratar de uma área que tem seus riscos, é esperado ainda do profissional algumas habilidades importantes, como:

  • Capacidade de liderança;
  • Dinamismo;
  • Iniciativa;
  • Sociabilidade;
  • Comunicação;
  • Equilíbrio emocional.

O que faz um profissional formado no curso técnico em Segurança do Trabalho?

Ficou interessado no curso técnico em Segurança do Trabalho? Então, é importante ainda compreender o que esse profissional faz, assim você vai ter uma ideia do que lhe espera no mercado de trabalho.

Normalmente, esse é um profissional que trabalha juntamente com o engenheiro em segurança do trabalho, sendo responsável por fazer a aplicação de medidas que visam garantir a segurança e o conforto dos funcionários de uma determinada empresa e que desempenha atividades consideradas de riscos.

Então, dentre as atividades de responsabilidade desse técnico estão:

  • Promover tarefas recreativas que visam a conscientização dos funcionários acerca da segurança do ambiente de no trabalho;
  • Fiscalizar a utilização de EPIS (equipamentos de proteção individual) dentro da empresa;
  • Identificar, de maneira preventiva, todos os riscos de trabalho que estão presentes dentro da empresa;
  • Sinalizar as zonas de perigos;
  • Educar os colaboradores quanto a utilização correta dos EPIS.

Sendo assim, fica evidente que esse é um profissional muito importante, pois tem relação com a segurança como um todo.

Logo, é natural que haja uma alta procura por esse perfil, mas para isso é preciso ter formação técnica, que é a forma mais fácil de trabalhar nessa área hoje.

Como é o mercado de trabalho para os formados em Curso técnico em Segurança do Trabalho?

Como já dito anteriormente, o mercado de trabalho para essa área é muito bom, pois ao se analisar a quantidade de possíveis atividades ocupacionais que estão relacionadas com algum tipo de risco, é possível perceber inúmeras.

Dessa maneira, seja qual for o ramo industrial, se existem serviços sendo feitos dentro de um local de trabalho e que tenham riscos físicos, biológicos ou químicos, é preciso a contratação de um técnico em segurança do trabalho.

Aliás, esse profissional pode atuar em:

  • Fábricas de carros;
  • Serralherias;
  • Siderúrgicas;
  • Empresas de usinagem;
  • Empresas do setor metalúrgico em geral;
  • Frigoríficos e indústrias de alimentos.

Com relação a remuneração, o salário do técnico é bastante atrativo, tendo uma média inicial de R$ 1.774,00, podendo chegar até R$ 6.000,00 por mês a depender da experiência, claro.

Curso técnico em Segurança do Trabalho: Onde estudar?

Faça o curso técnico em Segurança do Trabalho no CEPT (Profissionalização e Educação Técnica), que é uma instituição reconhecida pelo MEC e que preza pelo ensino democrático e 100% online.

Por conta disso, a instituição utilize uma plataforma de educação a distância excelente, onde permite que as informações sejam repassadas de forma clara e objetiva.

Logo, entre em contato com o CEPT, faça a sua matrícula e comece a mudar o rumo da sua vida profissional.

📱 Envie um WhatsApp ► //bit.ly/contatoCPET ou (11) 9 6056-8891

Siga o CPET nas redes sociais:

Curta nossa página no Facebook: //www.facebook.com/tecnicoscpet
Siga nosso perfil no Instagram: //instagram.com/cpet_cursos
Acesse nosso Twitter: //twitter.com/CpetCursos
19 de dezembro de 2020
PROPRIEDADE E COPYRIGHTS CPET - CENTRO DE PROFISSIONALIZAÇÃO E EDUCAÇÃO TÉCNICA - Desenvolvido por Márcio Barbosa