fbpx

Como lidar com a Política no ambiente de trabalho

Ano que vem será um ano de eleições e a Política no ambiente de trabalho será um tema que entrará novamente em pauta. Não há dúvida de que a política vai invadir suas conversas perto do bebedouro ou na cozinha do escritório. É quase impossível evitar falar de Política no ambiente de trabalho. Pesquisas em todos os rincões do mundo apontam que, embora os funcionários prefiram manter a política fora do trabalho, a maioria descobre que ainda assim se envolve em conversas políticas neste ambiente.

Como lidar com a Política no ambiente de trabalho

A seguir, serão expostas algumas descobertas que estas pesquisas apontam e que são interessantes para pautar suas atitudes (ou não) diante de colegas e clientes que falam sobre Política no ambiente de trabalho:

  • 3 em cada 5 funcionários (60%) acreditam que discutir política no trabalho é inaceitável;
  • Mais de 1 em cada 4 funcionários dizem que os colegas querem que eles participem de campanhas;
  • 60% dos funcionários acreditam que discutir política no trabalho pode impactar negativamente suas oportunidades de carreira;
  • 54% dos funcionários acreditam que as empresas devem incentivar seus funcionários a votar ou ser politicamente ativos fora do trabalho;
  • 67% dos funcionários se inscreveriam para trabalhar em uma empresa que apoia ativamente um partido político diferente do seu.

Então, como proceder diante deste campo minado, que é o tema Política no ambiente de trabalho, no escritório onde trabalha? Aqui estão alguns prós e contras de se falar de política em ambiente laboral.

O que fazer para lidar com Política no ambiente de trabalho

Conheça o seu público

Antes de iniciar uma conversa sobre Política no ambiente de trabalho, é melhor fazer uma verificação com as pessoas ao seu redor para ver se seus colegas estão dispostos a ter uma conversa leve. Tenha uma noção clara de com quem você está se envolvendo e torne a conversa informal.

Envolva-se em um diálogo curioso

Aborde a conversa com genuína curiosidade ao invés de procurar uma discussão. Se estiver tentando iniciar uma conversa com um colega cuja perspectiva você sabe ser diferente da sua, vá pela curiosidade. Considere dizer: “Sei que provavelmente estamos em lados opostos da questão e estou muito curioso para saber o que você pensa”.

Educadamente, retire-se de embates tensos

Se você desconfia de conversas de Política no ambiente de trabalho ou sente que uma conversa está mudando de curso, é importante ter uma paleta de linguagem que você possa usar para sair de conversas das quais não deseja participar. Considere dizer: “Esta é uma conversa importante, mas não tenho certeza se é a certa para mim”.

Educadamente, saia de conversas nas quais não deseja se envolver e respeite as necessidades dos outros também, especialmente se você sabe que um colega não está aberto a esse tipo de conversa. Respeito é a chave para fazer este trabalho.

Concentre-se nas convergências

Ainda que você e seus colegas de trabalho nem sempre concordem com a Política no ambiente de trabalho, você provavelmente tenha valores fundamentais que compartilha. Volte para aqueles princípios básicos que os unem.

Embora você possa não concordar com o partido ou candidato que o interlocutor apoia, você pode encontrar convergências em seu apoio à Monarquia, por exemplo. Trabalhe com seus colegas em uma ideia que lembre a todos de que vocês estão juntos nisso, porque, apesar de suas diferenças, vocês estão.

O que não fazer para lidar com a Política no ambiente de trabalho

Permitir comentários depreciativos ou desrespeitosos

A Política no ambiente de trabalho pode ser um tema muito polêmico, no entanto, é perfeitamente possível ter uma conversa respeitosa e honesta sem se tornar desagradável. Se você vai se envolver em uma conversa política no trabalho, mantenha a conversa respeitosa e não se envolva em calúnias, linguagem depreciativa ou comentários desrespeitosos. Se um desacordo se transformar em ataques personalizados, o melhor curso de ação é tentar dizer algo como: “O tom da conversa não é apropriado para o trabalho e não está mais indo na direção certa. Vamos voltar ao trabalho”.

Use ferramentas de comunicação de trabalho para promover suas convicções políticas

Na era do Google, Hangouts e Lives em geral, pode ser fácil compartilhar um artigo sobre a próxima eleição ou de seu candidato favorito (ou não tão favorito). No entanto, isso pode ser problemático para seus colegas. Criar um ambiente de trabalho seguro e protegido é fundamental, pois as conversas sobre Política no ambiente de trabalho podem fazer os membros da equipe se sentirem alienados ou atacados.

Demonizar as visões opostas

A política pode ser muito pessoal e muitas pessoas tendem a se apegar a suas crenças. No entanto, quando as emoções estão altas, é imperativo não rebaixar ou difamar aqueles que podem ter pontos de vista diferentes dos seus. Há consequências em alienar seus colegas com quem você trabalha todos os dias. Afinal, qualquer conversa ou comportamento que desvie da produtividade e da coesão não pertence ao escritório.

Lembre-se de ser respeitoso e usar a Política no ambiente de trabalho como uma oportunidade para aprender sobre seus colegas.

Concorda com estas visões? Compartilhe sua opinião conosco.

Conheça-nos em cursos técnicos EAD do CPET.

Ficou com alguma dúvida? Entre em contato conosco:

📱 Envie um WhatsApp ► https://bit.ly/contatoCPET ou (11) 9 6056-8891

Siga o CPET nas redes sociais:

Curta nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/tecnicoscpet
Siga nosso perfil no Instagram: https://instagram.com/cpet_cursos
Acesse nosso Twitter: https://twitter.com/CpetCursos
18 de agosto de 2021
PROPRIEDADE E COPYRIGHTS CPET - CENTRO DE PROFISSIONALIZAÇÃO E EDUCAÇÃO TÉCNICA - Desenvolvido por Márcio Barbosa