fbpx

5 sinais de que se está prestes a ser demitido

Geralmente, temos postado aqui alguns artigos onde tentamos ajudar as pessoas a melhorar seus desempenhos para adquirir um emprego, dar um upgrade na carreira etc. Mas, e se aqueles que já possuem um e, seja por insegurança ou outro motivo, estejam com receio de perdê-lo?

5 sinais de que se está prestes a ser demitido

  • O feedback de desempenho não tem sido bom
  • Não existe demanda para assumir um novo trabalho
  • Você tem um novo gerente
  • Você se sente deixado de lado
  • Surgimento de boatos

Sem dúvida, ser demitido é provavelmente uma das experiências mais desagradáveis ​​que se pode ter. Embora algumas pessoas nunca tenham passado por isso, ser demitido é mais comum do que se pode imaginar.

O Panorama sobre Ser demitido

Estudos são unânimes em demonstrar que cerca de um terço das pessoas já passaram por isso em algum momento de sua carreira. Pode haver muitos motivos para ser demitido: o desempenho, o desempenho da equipe que você gerencia ou conflitos de personalidade com seus superiores, entre outros.

Na melhor das hipóteses, um gestor discute os problemas com o subordinado, compartilha um feedback claro e o orienta a fazer melhorias. Infelizmente para alguns, o desligamento acontece sem aviso. Pesquisas apontam que 68% das pessoas que haviam sido demitidas disseram que ficaram surpresas com a notícia.

Se um superior não disser que existe a possibilidade de um subalterno perder o emprego, há outras pistas que indicam que algo não está certo e que o emprego pode estar em risco e você pode ser demitido.

O feedback de desempenho não tem sido bom

O feedback de desempenho não tem sido bom pode indicar que você pode Ser demitido

Um bom feedback de desempenho geralmente inclui uma discussão equilibrada de áreas onde o funcionário atende às expectativas e áreas que precisam de melhorias.

Afinal, ninguém é perfeito e mesmo os melhores profissionais podem se beneficiar de um feedback construtivo. No entanto, ao notar-se que o feedback parece ser mais direcionado para pontos de melhoria do que aos pontos de elogio, é possível que o gestor esteja tentando dizer que as coisas não estão indo bem e pode ser indício de que alguém pode ser demitido.

As avaliações de desempenho mais recentes também podem mostrar sinais de que se pode estar correndo algum tipo de “risco” em ser demitido. Talvez se tenha recebido uma classificação de desempenho média ou o feedback de resultado não enfocou as realizações tanto quanto o analisado achou que deveria. Neste caso, o gestor pode ter tido preocupações, mas lutou para articulá-las de forma eficaz. Não é incomum que os gerentes tenham dificuldade em dar feedback.

Um estudo descobriu que 37% dos gerentes se sentem desconfortáveis ​​em dar feedback onde acham que receberão uma resposta ruim dos funcionários. Em suma, se uma discussão sobre a avaliação de desempenho não foi boa, o gerente pode estar tentando preparar o terreno para uma conversa mais séria.

Não existe demanda para assumir um novo trabalho

A detecção de que novos projetos e atribuições estão sendo repassados ​​a outras pessoas talvez se dê porque o gestor acredita que determinado funcionário não tenha potencial de executá-los bem. Também pode significar que o gerente já esteja planejando um futuro sem aquele determinado colaborador para a conclusão destes trabalhos.

Embora possa haver outro motivo para que ele não participe de determinado projeto, qualquer redução no trabalho que este esteja realizando é provavelmente um sinal de que o gerente confia mais nos outros para fazer as coisas, e um sinal de que você possa ser demitido.

Quando mesmo se demonstrando vontade de “fazer mais”, e, mesmo assim, não houver mudança, é hora de compartilhar as preocupações com este gestor na tentativa de entender se ele é mesmo necessário.

Você tem um novo gerente

Novos “chefes” geralmente assumem a função de fazer melhorias e não é incomum que eles reavaliem as pessoas de sua equipe e fazer alguém ser demitido. Um novo gerente pode mudar as metas de um equipe ou ter novas ideias sobre como dividir o trabalho. Como resultado, o trabalho com o qual você contribuiu no passado pode não atender às expectativas.

Outro motivo pelo qual um novo gerente pode levar à uma demissão é o ajuste de personalidade. Embora possa ter se estabelecido em um ótimo ritmo com um antigo chefe, pode não mais combinar a personalidade com este novo. Você pode ter diferentes estilos de trabalho e maneiras de se comunicar, e essas diferenças podem resultar em um relacionamento de trabalho ruim.

Quando você tem um relacionamento ruim com seu chefe, você pode passar por estresse, queda no desempenho e falta de comunicação – o que pode te levar a ser demitido.

Você se sente deixado de lado

Se você não está mais se sentindo parte integrante da equipe ou parece que estão sempre chamando sua atenção, isto pode significar mais do que imaginação e você pode ser demitido. Sentir que você está do lado de fora olhando para dentro pode ser uma bandeira vermelha de que sua posição na equipe está em risco. Alguns cenários comuns que podem fazer você se sentir excluído incluem:

  • As reuniões individuais com seu gerente são mais curtas;
  • Seu gerente parece menos disponível para responder às suas perguntas ou ter discussões informais;
  • Ninguém está pedindo sua adesão para decisões importantes;
  • Você é convidado para menos reuniões;
  • Suas sugestões e ideias são ignoradas ou descartadas.

Surgimento de boatos

Surgimento de boatos de que alguem pode ser demitido

Infelizmente, as más notícias costumam circular pela organização, e quando o assunto é ser demitido não é diferente. Embora um gerente responsável não divulgue ideias sobre demitir um funcionário, de alguma forma, a mensagem chega em forma de boato.

Se você ouvir rumores de que uma mudança está chegando e de que isso pode afetar sua equipe, é razoável questionar se os rumores são sobre você ser demitido. Ainda, se seus colegas parecem saber de algo, mas não parecem estar compartilhando com você, ou pior, seu gerente não dá uma resposta direta quando você pergunta se algo está acontecendo, o boato pode conter alguma verdade sobre você.

Ser demitido não é o fim

Mesmo quando houver sinais de que existe a possibilidade da demissão, existem atitudes que podem ser tomadas para a confirmação destas suspeitas e possivelmente evitar que isto aconteça. Pode-se adotar uma nova abordagem para o trabalho e o investimento em novas maneiras de se agregar valor. Pode-se também pedir suporte ao gestor a fim de que sejam feitas melhorias.

Ninguém quer ser mandado embora, mas, se vier a acontecer, comece a planejar a procura de um novo emprego, pois ser demitido também pode levar alguém a uma oportunidade nova e estimulante.

Conheça-nos em cursos técnicos EAD do CPET.

Ficou com alguma dúvida? Entre em contato conosco:

📱 Envie um WhatsApp ► https://bit.ly/contatoCPET ou (11) 9 6056-8891

Siga o CPET nas redes sociais:

Curta nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/tecnicoscpet
Siga nosso perfil no Instagram: https://instagram.com/cpet_cursos
Acesse nosso Twitter: https://twitter.com/CpetCursos
17 de agosto de 2021
PROPRIEDADE E COPYRIGHTS CPET - CENTRO DE PROFISSIONALIZAÇÃO E EDUCAÇÃO TÉCNICA - Desenvolvido por Márcio Barbosa