fbpx

Alta do ensino profissional na pandemia de 2021

Durante a pandemia, a alta do ensino profissional a distância aumentou, superando as expectativas de todos os brasileiros e do mundo. Segundo dados do IBGE, o setor de serviços é o carro-chefe do PIB brasileiro em 2018, respondendo por mais de 75% da riqueza criada no país. As vantagens da formação técnica são reconhecidas pelo povo brasileiro.

De acordo com pesquisa realizada pelo Ibope em 2014, 90% das pessoas acreditam que quem participa de cursos profissionalizantes e técnicos tem mais oportunidades, o que contribui ainda mais com a alta do ensino profissional durante a pandemia.

A Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios em andamento mostra que a proporção de alunos do ensino médio que recebem educação técnica aumentou de 5,6% em 2016 para 6,2% em 2018.

Alta do ensino profissional na pandemia de 2021

Alta do ensino profissional na pandemia

A educação técnica tem se mostrado uma opção cada vez mais eficaz para ingressar imediatamente no mercado de trabalho, embora seja uma formação mais rápida e, por focar na prática, desenvolve competências altamente exigidas pelas empresas em todos os campos.

A alta do ensino profissional da procura por cursos profissionalizantes e técnicos caracterizam-se pela curta duração, forte pertinência ao conteúdo e foco na formação específica do curso selecionado.

A educação profissional técnica secundária inclui três tipos de cursos:

  • Qualificação Profissional Técnica de Nível Médio: visa promover o desenvolvimento de competências e valores necessários a uma ou mais ocupações reconhecidas pelo mercado de trabalho;
  • Habilitação Profissional do Técnico de Nível Médio: cursos que atendam a CBO (Classificação Brasileira de Ocupação) ou ensino médio completo;
  • Especialização Técnica de Nível Médio: cursos para graduados de cursos técnicos. Eles devem fornecer novas habilidades para aqueles que já estão qualificados e desejam se especializar em um determinado campo profissional.

Todos os cursos têm vantagens e desvantagens. Atualmente, existem três formas de estudar presencial ou remotamente (mas alguns cursos de bacharelado não têm essa possibilidade, como os cursos de medicina). Os cursos técnicos estão em uma alta do ensino profissional e atraem cada vez mais alunos de forma concisa e dinâmica, possuem um rico conteúdo prático e capacitam o profissional de forma dinâmica para o rápido ingresso na carreira.

A pandemia e a pressão do desemprego, além dos chamados cursos livres, também mudaram o mercado de educação profissional e técnica no Brasil, o que causou uma alta do ensino profissional. Com 14 milhões de desempregados no Brasil, enfrentando a necessidade urgente do Brasil de se reinstalar ou ingressar no mercado de trabalho, o número de pessoas que recebem esse tipo de educação aumentou dramaticamente.

Além de mais alunos, esses cursos de curta duração para áreas específicas também atraem investidores, que estão se concentrando em mercados subdesenvolvidos, mas ainda altamente fragmentados. Hoje, apenas 10% dos alunos que concluem o ensino médio no Brasil vão participar dos cursos técnicos, nível muito inferior à média dos países desenvolvidos. Estima-se que existam mais de 5.000 escolas técnicas formais em todo o país, 95% delas com menos de 1.000 alunos, o que dificulta o cálculo da escala real dessa parte.

A alta do ensino profissional e dos cursos profissionalizantes se dá por serem cursos mais rápidos e com preços mais baratos do que os cursos superiores. Eles oferecem, desse modo, uma maneira um pouco mais simples de se alocar no mercado de trabalho ou mesmo de se atualizar profissionalmente.

Isso pode ser uma boa estratégia também para a mudança de profissão. Como eles possuem curta duração, podem ser utilizados para se conhecer e experimentar novas áreas sem precisar fazer grandes investimentos. O Centro de Profissionalização e Educação Técnica (CPET) possui diversos cursos profissionalizantes e técnicos.

Alta do ensino profissional no mercado é uma tendência que mostra que a procura por cursos e a demanda por educação online vão aumentar. Essa tendência não mostra o poder de recuo, por isso é importante atentarmos para a tendência e os principais rumos apontados pelo mercado como um direcionamento para o recrutamento rápido.

Se você deseja se requalificar, além da capacitação, é muito importante encontrar escolas de referência no mercado de EAD. Procure escolas que garantam diplomas válidos e certificados reconhecidos pelo Ministério da Educação. Seu investimento precisa valer a pena e você precisa se ater à qualidade dos produtos que contrata, principalmente na área de educação.

Não perca tempo e aproveite todos os momentos para estudar e se preparar profissionalmente para o futuro. Lembre-se que, se você já está empregado, atualizações são sempre importantes, sobretudo em um momento de crise econômica e sanitária como a que vivemos.

Por isso, a alta do ensino profissional  está em crescimento no Brasil. Acesse nossos cursos, veja nossas grades curriculares e tenha certeza que no CPET você encontrará uma excelente formação profissional.

Ficou com alguma dúvida? Entre em contato conosco:

📱 Envie um WhatsApp ► //bit.ly/contatoCPET ou (11) 9 6056-8891

Siga o CPET nas redes sociais:

Curta nossa página no Facebook: //www.facebook.com/tecnicoscpet
Siga nosso perfil no Instagram: //instagram.com/cpet_cursos
Acesse nosso Twitter: //twitter.com/CpetCursos
20 de maio de 2021
PROPRIEDADE E COPYRIGHTS CPET - CENTRO DE PROFISSIONALIZAÇÃO E EDUCAÇÃO TÉCNICA - Desenvolvido por Márcio Barbosa