fbpx

A tecnologia e a educação profissional na pandemia

A Pandemia de Corona Vírus que está presente no mundo mudou a realidade de muitas empresas e pessoas. A tecnologia e a educação profissional na pandemia são fundamentais para que empresas e profissionais do mercado de trabalho se inovem e podem se adaptar ao novo normal. Seja para você se qualificar, requalificar ou se você está em busca de novas oportunidades no mercado de trabalho, acompanhe nosso artigo e fique por dentro de mais informações sobre esse assunto.

O impacto da pandemia na economia brasileira se reflete em várias áreas: indústria, comércio e serviços. Na educação, isso não é exceção. A pandemia suspendeu os cursos presenciais em todos os níveis de treinamento oferecidos por instituições educacionais. Nada pode escapar do isolamento.

A tecnologia e a educação profissional na pandemia

Do jardim de infância ao ensino fundamental, do ensino médio à graduação, da graduação ao doutorado. Tudo deve ser reconsiderado e ajustado para garantir a saúde de todos. Assim nasceu o “novo normal”. Uma forma diferente de estar e estar no mundo e desta forma a educação profissional na pandemia também precisou evoluir. Em um mundo à beira da crise econômica, a única maneira das instituições é se adaptarem a novos relacionamentos é se reinventando e se transformando no mundo digital.

A resposta rápida à crise é vital para a sobrevivência e perenidade do empreendimento no mercado produtivo e, por isso, promove o comércio virtual, uma saída possível e procurada por muitos, a educação profissional na pandemia teve uma papel significativo nesta esfera.

Nesse contexto, a demanda por mão de obra qualificada em diversos setores da economia não para de crescer. É o caso da área de tecnologia da informação e comunicação, geração, transmissão e distribuição de energia elétrica, fabricação e manutenção de energias renováveis, engenharia civil, saúde, equipamentos hospitalares e prestadores de serviços, o que fez o setor da educação profissional na pandemia se aquecer para auxiliar na crise.

A adaptação da empresa aos novos processos de produção e gestão nas atuais circunstâncias pressiona a formação e qualificação dos profissionais que os podem servir, por meio da educação profissional na pandemia. Isso porque a tecnologia intermediária e os cursos de nível profissionalizante e técnicos fornecem aos alunos as características e habilidades necessárias no mundo do trabalho.

Os formados estão prontos para resolver problemas diários em áreas específicas do mercado. Em comparação com os cursos de ensino superior, as vantagens dos cursos técnicos são que o tempo de formação é menor e mais prático. Pode responder mais rapidamente às necessidades e / ou carências de profissionais nas áreas técnicas e de serviços.

Além disso, os cursos de educação profissional na pandemia, como os técnicos fornecidos pelo Centro de Profissionalização e Educação Técnica (CPET) permitem que os estudantes comecem seu próprio negócio e continuem a aprender em um nível superior.

Por um lado, esta modalidade de ensino, sem dúvida, busca garantir a cidadania dos alunos, por outro lado, proporciona uma formação sólida que atenda às expectativas da sociedade e do mercado. Afinal, não há crises que impeçam a vontade de trabalhar, cooperar e construir um mundo melhor.

Se você quer se profissionalizar e ter em seu currículo um certificado reconhecido pelo MEC, não perca mais tempo. O CPET oferece mais de 20 cursos técnicos, nos mais diversos eixos tecnológicos para te preparar para o mercado de trabalho. Você pode conferir mais informações diretamente em nosso site, ou entrando em contato com a nossa equipe de atendimento especializada.

Ficou com alguma dúvida? Entre em contato conosco:

📱 Envie um WhatsApp ► //bit.ly/contatoCPET ou (11) 9 6056-8891

Siga o CPET nas redes sociais:

Curta nossa página no Facebook: //www.facebook.com/tecnicoscpet
Siga nosso perfil no Instagram: //instagram.com/cpet_cursos
Acesse nosso Twitter: //twitter.com/CpetCursos
14 de junho de 2021
PROPRIEDADE E COPYRIGHTS CPET - CENTRO DE PROFISSIONALIZAÇÃO E EDUCAÇÃO TÉCNICA - Desenvolvido por Márcio Barbosa